15/02/2015

Projeto Liga das Otomes #1: Livro Favorito

 Olá prismáticos! Como estão? A postagem de hoje é bastante especial pois é a primeira postagem do projeto "Liga das Otomes" (você pode encontrar o selo do projeto na sidebar do blog). Neste projeto, além do Prismática, outros seis blogs (que eu listarei ao final da postagem) postarão a cada duas semanas a respeito dos mesmos assuntos, e estes assuntos serão variados (ficou muito confuso? Me desculpem). Cada borboleta do selo simboliza um dos blogs participantes - o Prismática é a borboleta em rosa claro *-*

O tema escolhido para a primeira postagem é "Livro Favorito" e foi sugerido pela Jéssica do blog Uma Geek Descolada. Eu já escrevi uma vez a respeito do meu livro favorito aqui no Prismática, o Convergente, mas então para que eu não deixe de postar para o projeto e também, para que não fique algo repetido, decidi escrever não exatamente sobre o meu livro favorito, mas sobre a minha trilogia favorita: Divergente. A postagem pode conter algumas pequenas revelações, mas não é nada demais (qualquer coisa que você descobriria ao ler a contra-capa do livro ou assistisse ao filme de Divergente) Continue lendo e aproveite a primeira postagem do projeto "Liga das Otomes"!
Projeto Liga das Otomes: Livro Favorito
"Trilogia Divergente"

Divergente é uma distopia escrita por Veronica Roth, narrada em primeira pessoa por Beatrice Prior, que vive em uma Chicago futurista, completamente arrasada após uma terrível guerra que fez se instaurar na cidade, que passou a ser isolada do restante do mundo por uma muralha, um rígido sistema de castas. "A sociedade se divide em cinco facções dedicadas ao cultivo de uma virtude" - a Amizade, com seus laços de fraternidade e amor pelo próximo, responsável pelas plantações para o abastecimento da cidade com alimentos; a Franqueza, responsável pelos julgamentos e, como o próprio nome já diz, a franqueza, a manutenção da verdade; a Erudição, que preza o conhecimento a cima de tudo, responsável principalmente pelo desenvolvimento da tecnologia; a Abnegação, altruísta e sem vaidade, responsável pela política e o governo; e a Audácia, os corajosos e bravos, responsáveis pela segurança.

Beatrice é nascida em uma família da Abnegação e segue as obrigações da facção da forma mais rígida que lhe é possível: ela evita olhar seu reflexos nos espelhos, procura ajudar as pessoas necessitadas, no entanto, ela percebe que aquilo não lhe é natural. Assim, aos completar desesseis anos, em um evento conhecido como "O Dia da Escolha", Beatrice e vários outros jovens de mesma idade que a sua possuem a possibilidade de mudar de casta, passando por um teste de aptidão que os ajuda a definir a sua escolha. No entanto, o resultado do exame de Beatrice é inconclusivo: ela é uma divergente, e essa sua divergência trás a ela perigos inimagináveis, e futuras revelações que de fato, a transformará, começando pela sua primeira escolha: a Audácia. Em sua nova vida, em sua nova facção, Beatrice passa a ser Tris, e lá ela conhece Quatro, seu instrutor de iniciação, e futuramente, seu amigo, seu parceiro e seu namorado.


Ao passar dos três livros, "Divergente", "Insurgente" e "Convergente", Tris e Quatro enfrentarão sua própria facção, e precisarão realizar inúmeras escolhas: para proteger aqueles que amam, aquilo que acreditam, e aquilo que desejam acreditar; descobrirão verdades a respeito não somente das facções, mas de toda a história que antecede a guerra e foi esquecida, ou apagada de suas memórias; realizarão sacrifícios imensuráveis; irão testar a sua coragem e seus próprios sentimentos.

Uma escolha pode te transformar
Uma escolha pode te destruir
Uma escolha vai te definir

Com reviravoltas surpreendentes, um final completamente inesperado, um enredo que é capaz de te prender e ter uma daquelas ressacas literárias com facilidade, além da temática distópica da sociedade brilhantemente trabalhada pela autora, e o romance entre os protagonistas que é capaz de te cativar e te fazer sofrer, sorrir, e se apaixonar junto a eles, a trilogia Divergente me marcou profundamente, e de uma maneira boa, muito boa.
"A vida nos danifica, a todos nós. Não há como escapar desse dano.
Mas agora também estou aprendendo isto: podemos ser consertados. Consertamos uns aos outros."
Há ainda, fora da trilogia, o livro "Quatro", que narra também em primeira pessoa, a história do personagem começando pelo Dia da Escolha, e terminando quando ele conhece Beatrice. Infelizmente, eu não levo jeito para escrever boas resenhas, então muito provavelmente eu não seja capaz de transmitir em palavras a grandiosidade desta obra, mas fico feliz por escrever sobre "Divergente"  como meu livro, ou trilogia favorita. Dou nota máxima e indico os livros para todos que apreciam uma boa leitura e que desejam se aventurar no incrível universo de Divergente. 

"Sejam corajosos"

Vocês podem conferir os outros posts sobre livros favoritos nos blogs participantes do projeto:
Espero que tenham gostado do post de hoje. Deixem seus comentários e nos vemos na próxima postagem! 

6 comentários:

  1. Eu sou louca pre ler os livros ♥ Pretendo compra-los muito em breve <33
    Beijos!
    Alguns Rabiscos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faça isso, não vai se arrepender *-*
      Beijos!!

      Excluir
  2. Olá Emy >.< ! Eu estou ótima! Mesmo que minhas aulas daqui a pouco comecem...;-; e você ?

    Essa trilogia pelo visto tem um enredo incrível! Eu não sou muito de ler livros (por pura preguiça e falta de paciência KKKK) mas esse aí parece ser bom! Nossa, achei bem louco esse sistema social o.O e estranhei tanto o nome do Quatro SPKOSK

    Gostei do post <3
    Tenho amigas que gostam de ler livros, talvez futuramente eu recomende essa trilogia á elas :3

    Bye bye!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nanda-chan!! Eu estou ótima também, e ainda tenho umas duas semanas pras minhas aulas começarem, rs'

      Eu realmente amo a trilogia, e o nome do Quatro... Bem, tem um significado muito legal :)

      Recomende simm <3 e sei lá, você pode ver o filme de Divergente se quiser, ele até que segue bem o livro ;)

      Beijos!

      Excluir
  3. Ai, estou roendo as unhas de ansiedade pra ler o último livro da trilogia, mas decidi que quero ler apenas quando conseguir comprar o livro físico, ja que os outros 2 eu li e-book. Eu gosto bastante também da trilogia de Jogos Vorazes, mas Divergente ganha fácil, na minha humilde opinião de fã. ^^ Adorei a escolha do livro.

    Bjinhos
    ~Uma Geek Descolada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou completamente apaixonada pela trilogia, haha' Também estou lendo a trilogia de Jogos Vorazes agora, mas eu não consigo me desapegar de Divergente, rs' Ele até superou meu amor incondicional pela trilogia Fronteiras do Universo <3

      Beijos!

      Excluir

Não seja tímido(a)! Deixe seu comentário!! Nada deixa uma blogueira mais feliz do que ver que as pessoas gostam de seu blog.

• Seja coerente em seu comentário e nada de ofensas!
• Criticas e sugestões são sempre bem vindas.
• Deixe o link do seu blog no fim do comentário para que eu possa retribuir a visita.

Obrigada por ter visitado e comentado ♡